Resenha: Fangirl - Rainbow Rowell

|
Olá! Pra não perder o costume, eu dei uma sumida de novo não foi? Eu ia postar uma resenha da Loli Loli paradise no feriadão mas descobri que perdi as fotos que eu tinha  Então, decidi estrear hoje uma nova 'tag' no blog: Livros e Doces, onde, obviamente irei falar sobre livros! Mas os posts não serão resenhas propriamente ditas, será apenas eu falando sobre o livro, sem seguir as regras de uma resenha, porque eu odeio escrever resenha. E o primeiro a não ser resenhado é Fangirl, que eu terminei faz uns dois dias e se tornou um dos meus livros favoritos.

Sinopse
 Cath é fã da série de livros Simon Snow. Ok. Todo mundo é fã de Simon Snow, mas para Cath, ser fã é sua vida – e ela é realmente boa nisso. Vive lendo e relendo a série; está sempre antenada aos fóruns; escreve uma fanfic de sucesso; e até se veste igual aos personagens na estreia de cada filme.
Diferente de sua irmã gêmea, Wren, que ao crescer deixou o fandom de lado, Cath simplesmente não consegue se desapegar. Ela não quer isso. Em sua fanfiction, um verdadeiro refúgio, Cath sempre sabe exatamente o que dizer, e pode escrever um romance muito mais intenso do que qualquer coisa que já experimentou na vida real.
Mas agora que as duas estão indo para a faculdade, e Wren diz que não a quer como companheira de quarto, Cath se vê sozinha e completamente fora de sua zona de conforto.
Uma nova realidade pode parecer assustadora para uma garota demasiadamente tímida. Mas ela terá de decidir se finalmente está preparada para abrir seu coração para novas pessoas e novas experiências. Será que Cath está pronta para começar a viver sua própria vida? Escrever suas próprias histórias?
Veja a página do livro no Skoob.


Foram poucos os personagens de livros com quem me identifiquei do jeito que me identifico com a Cath. Vejam bem, ela tem 18 anos, é uma fã árdua que tem pôsters na parede, escreve fanfics gay, namora um cara só porque "está acostumada á ele", tem medo de novas experiências, e vai pra faculdade sem abandonar sua vida de fangirl, exatamente como eu fiz. O pai delas precisa de medicamentos controlados, assim como a minha mãe. Cath não gosta da vida adulta, e ela não quer se tornar uma adulta, mas isso não significa que ela seja imatura ou infantil, muito pelo contrário, ela tem muito mais 'juízo' do que sua irmã Wren, que tira notas baixas da faculdade, se embebeda e vive pulando de uma festa para outra. Então ler este livro foi quase como me olhar no espelho, e acho que é por isso que gostei tanto dele.

Quando comecei a ler o livro fiquei com receio de que fosse uma história em que a menina amadurece e percebe que seus hobbies eram uma idiotice e os abandona para seguir a vida, mas para minha felicidade, Fangirl não é assim. É uma história de amadurecimento sim, mas Rainbow mostra que é possível ser uma adulta fangirl, e que não há problema nenhum nisso.

Cath aprende a viver separada de sua irmã gêmea, que ao contrário dela está louca para viver as experiências da "vida de universitária" aprende a receber críticas sobre as coisas que ela escreve, a encarar a mãe que a abanou quando era criança, aprende o que é estar com alguém por quem ela é apaixonada, e tudo isso enquanto escreve sua fanfic todas as noites.

Recomendo esse livro pra todos que são fãs de algo, e que têm medo de quando chegar a hora em que terão que crescer e deixar de ser fãs. Tenho certeza que vocês vão se identificar com a Cath assim como eu, mesmo que seja por motivos diferentes dos meus. Estou apaixonada pelo jeito de escrever da Rainbow, e mal posso esperar para ler Eleanor & Park, outro livro dela.

Eu disse que isso não seria uma resenha, então o post é só isso mesmo ><. Espero que tenham gostado desse meu jeito bagunçado de falar sobre livros. Se os comentários forem bons, logo logo faço outro post assim!

Antes de ir, gostaria de pedir sugestões para vídeos. Eu quero muito postar um vídeo novo, mas não faço a mínima ideia do que gravar, me ajudariam muito se dessem sugestões ❤!

15 comentários

  1. Quero muito esse livro, porém aqui na livraria ele esta beeeem caro *o*
    beijos http://umdiaqq.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na internet você acha ele por uns 25 reais, vale á pena!

      Excluir
  2. Oiii :)
    Nunca li esse livro >_< Mas me deu muita vontade de ler já que pela sinopse eu já me identifiquei com ela *¬* pelos mesmos motivos que vc xD além dela ser tímida :)
    Com certeza eu serei uma adulta fãgirl kkk vou ser otaku pelo resto da minha vida, eu já sou desde antes dos meus 7 anos, me lembro quando eu tinha uns 13/12 anos e meu pai me chamava de "Naruta" (agora tenho 19) x) e agora que entrei na universidade tou é mais ainda kkkk cada vez o número de casais que eu shippo aumenta, essa semana mesminha já entrou um casal na minha listinha (。・ω・。)ノ♡

    Kissus, post novo ~(^з^)-☆
    Blog:ShyandBrave

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também sou tímida, mas não no nível dela ><
      Acho que vou ser pelo resto da vida também kkk Achei que fosse passar mas só piorou, nem me fale do número de shipps kkkkk

      Excluir
  3. Adorei o nome da autora! Haha xD
    Gostei da proposta do livro tambéme que bom que o final não foi "e ela amadureceu e viu que seus hobbies eram infantis" :) Entrou na minha lista de livros pra ler ;D
    Sussurro do Ar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O nome dela é lindo <3
      Sim, pra mim foi isso que fez o livro ser tão especial ^^

      Excluir
  4. Gente, escreveram um livro sobre mim e nem fiquei sabendo! Hahahahaha!
    Entrou pra lista de desejos!

    ResponderExcluir
  5. Eu quero MUITO casar com esse livro *-* Coisa perfeita!

    Eu não quero virar adulta. Não quero deixar de sonhar. Tenho medo de crescer e não realizar meus sonhos julgados tão distantes. AFF

    Esperando o próximo ~ )o)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. haha eu também xD
      Também tenho medo, mas acho que é possível encarar a vida adulta, sem "ser" uma "adulta"... mds que confuso isso kkk

      Excluir
  6. aww que lindo <3
    diariodelolivlet.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi~
    Não sou muito fã de livros, mas realmente fiquei com vontade de ler esse *u*
    Parece ser muito legal~
    Kissus
    Yuurei Neko

    ResponderExcluir
  8. Que hilário, eu estive com o livro em mãos, pensei e pensei, desisti e trouxe "The Walking Dead: A ascensão do governador" para casa! ~risos amargos~ Um tapa certeiro na minha cara, o livro parece ótimo!! "é possível ser uma adulta fangirl, e que não há problema nenhum nisso." vivo dizendo isso para minha família, é um saco a galera pensar que você ainda é uma criança mimada que não sabe nada da vida só por você ainda sentir prazer em ser fã e se dedicar. Ser adulto não é se fechar pra tudo, não poder nem ao menos ter um momento de felicidade, ser um robô... Esse povo tem cada uma! XD Vou ser fangirl sim, se reclamarem muito, danço I am the Best em cima da mesa, no almoço de domingo. vlw? flw?
    Beijinhos, Usagi.

    http://bunny--days.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaah não creio kkkkkk
      Sim! Concordo plenamente com você, não é por eu ser adulta e ter responsabilidades que eu tenho que deixar de acompanhar as coisas que eu gosto, realmente não entendo as pessoas. Dançar I am the best na mesa do almoço do domingo, sonho de vida kkk

      Beijos!

      Excluir
  9. Me identifiquei com ela, principalmente pq tbm não quero ser adulta, mas nem por isso sou infantil e imatura. O livro me chamou atenção e vou procurar por ele <3

    seteprimavera.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Abraço coletivo com todo mundo que se identificou com a Cath <3
      Procure, não vai se arrepender!

      Excluir

Muito obrigada por comentar!
Eu respondo todos os comentários aqui no blog, então quando eu retribuir seu comentário, volte aqui que terá uma resposta cheia de emojis! (ノ◕ヮ◕)ノ *:・゚✧

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...